28/04/2024 às 12h27min - Atualizada em 28/04/2024 às 12h27min

​Caprichoso transforma lançamento do álbum em uma noite do Festival de Parintins

O curral Zeca Xibelão ficou pequeno para a grande massa azulada que festejou as melhores toadas do Festival de Parintins.


O curral Zeca Xibelão ficou pequeno para a grande massa azulada que festejou as melhores toadas do Festival de Parintins. Com recorde nas plataformas digitais, o Álbum “Cultura - O Triunfo do Povo” foi lançado oficialmente neste sábado, 27, em Parintins, e levou uma multidão animada celebrar a trilha sonora do tricampeonato em 2024.

Uma linda e merecida homenagem ao eterno apresentador Arlindo Júnior deu início à festa. No palco, diretoria, Conselho de Arte e artistas enalteceram a história do Pop da Selva, na galera, os aplausos de reconhecimento e admiração àquele que “sempre será eterno”. “Arlindo ficou marcado na história do festival e nada mais justo que celebramos esse legado”, exaltou o presidente Rossy Amoedo.

A festa aconteceu ao comando contagiante do apresentador Edmundo Oran e pela voz potente e incomparável do levantador de toadas, Patrick Araújo. As novas obras musicais do Caprichoso foram o destaque da noite, um álbum aprovado pelo torcedor azulado. “Nossas toadas são sucesso. O torcedor ouve todas, do começo ao fim. Além de grandes festas no curral, com certeza, vamos fazer um grande espetáculo no bumbódromo”, declara Patrick Araújo.

“A junção deu muito certo dos nossos compositores com o Conselho de Arte que deu direcionamentos e nossos compositores, com suas habilidades, com toda a sua essência, compuseram essas obras de arte que a gente está escutando. Nosso álbum, graças a Deus, bateu todos os recordes dos últimos anos nas plataformas digitais. Então, a gente só tem a agradecer ao torcedor azul e branco por esse reconhecimento do álbum tão maravilhoso que a gente fez com tanto carinho”, destacou o vice-presidente Diego Mascarenhas.

As performances dos itens individuais foram um show à parte: o versos ritmados do amo Prince Caprichoso; a força e a beleza da cunhã-poranga Marciele Albuquerque;  a graça e leveza da sinhazinha Valentina Cid; a ousadia e animação da porta-estandarte Marcela Marialva; o ritmo coreográfico da rainha Cleise Simas e todo mistério ritualístico do pajé Erick Beltrão.

A festa azulada invadiu a madrugada e foi marcada pela empolgação do torcedor Caprichoso. A torcedora Francine Monteiro viajou de Manaus para comemorar o que, segundo ela, “é o melhor álbum”. “O Caprichoso arrasou! Pra mim é o melhor álbum de todos os tempos e eu tô muito emocionada, eu tô muito animada pra esse festival e eu tenho certeza que o meu Caprichoso vai ser um tricampeão esse ano”, disse extasiada.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://cenacultural.com/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp